Presidente da Câmara traça planos para gestão da Casa

Pepo Lepinsk se reúne com chefes de setores, dá entrevistas e atende a população no primeiro dia útil do ano
Presidente da Câmara traça planos para gestão da Casa

Foto: ACS/CMI João Guilherme D´Arcadia

O presidente da Câmara Municipal de Indaiatuba, Pepo Lepinski, estabeleceu no primeiro dia útil do ano suas metas para a administração do Poder Legislativo. Entre as suas prioridades estão investimentos em acessibilidade e transparência na condução da Casa de Leis.
Pela manhã, Pepo se reuniu com chefes e demais funcionários de departamentos para se inteirar dos projetos que estão em andamento – nesta terça-feira (5) será realizada uma reunião geral com todo o corpo administrativo.
O presidente também concedeu entrevista na sede do Grupo Mais Expressão. Ao apresentador Rubinho Queiroz, o legislador falou sobre a satisfação em ter sido eleito pelos pares para presidir a Casa pelo próximo biênio. Já na sessão de posse, ele verificou um ponto que merecerá sua especial atenção daqui em diante.
“A Câmara precisa de mais acessibilidade. Uma pessoa com mobilidade reduzida tem dificuldades em chegar à Casa e ser atendido pelo Departamento Jurídico, pela Presidência ou até mesmo acessar o plenário”, exemplificou. Outra iniciativa que vai ser levada adiante é ampliação das ações de transparência, incluindo a publicidade em tempo real das licitações.
Pepo deu detalhes dos dois projetos que foram apreciados na sessão extraordinária de 1º de janeiro, ambas de autoria do Poder Executivo. Uma delas possibilita mudanças administrativas para criar a Secretaria de Mobilidade Urbana. “É uma demanda antiga da cidade, que cresceu muito. Vale lembrar que a medida não vai gerar gastos para o município”, salientou. Pepo falou ainda sobre o Refis, que possibilita a anistia de multas e juros para cidadãos que renegociarem dívidas com o município. “Com a pandemia, muita gente não conseguiu honrar seus compromissos”, pontuou.
O presidente mencionou que vai respeitar as opiniões divergentes na Câmara e que o intuito da Casa deve ser o desenvolvimento do município.
Já à tarde, Pepo se reuniu com vereadores e com cidadãos que chegaram até seu gabinete. Ele também gravou uma participação para o telejornal da TV Sol.
As sessões ordinárias voltam em fevereiro, mas, segundo o presidente, é possível que haja a convocação de uma sessão extraordinária para votação de matérias que demandam maior celeridade.
Vereadores reeleitos e estreantes também iniciaram o ano trabalhando em seus gabinetes. Os legisladores recebem sugestões da população e se preparam para apresentar as matérias que entrarão em tramitação nas próximas semanas.

registrado em: